Notícias

Seminário dá a largada para Campanha Salarial 2020 do Setor Farmacêutico

Entrega da pauta de reivindicações será no próximo dia 6 de março

A Federação dos Trabalhadores do Ramo Químico da CUT (Fetquim-SP) reuniu os sindicatos afiliados na última quarta-feira (12/02) para discutir o cenário econômico do Setor Farmacêutico e a proposta de pauta de reivindicações da Campanha Salarial 2020.

Para compor a pauta unificada, três eixos foram aprovados: reposição da inflação, aumento real e manutenção da Convenção Coletiva da categoria.

Não há crise no ramo farmacêutico

O cenário econômico das empresas farmacêuticas é bem diferente das demais indústrias. Estatísticas e reportagens na grande mídia apontam que 2019 foi o melhor ano dentre os últimos cinco anos em crescimento real para o setor.

Segundo dados do Sindusfarma/Secretaria do Comércio Exterior, coletados pelo Dieese, o mercado farmacêutico em geral cresceu 9,25% em 2019 (em reais) e 4,66% em unidades de caixas. Em dólar, o crescimento foi mais modesto, 0,89% em 2019, contra o resultado negativo de 2018, -5,59%.

Entre os genéricos o crescimento foi ainda maior, alta de 11,27% em 2019 (em reais) e de 6,43% em unidades de caixas. Em dólar, o crescimento foi de 2,81% contra -6,28% em 2018.

Aumento real e manutenção de direitos

Confira a proposta de Pauta de Reivindicações que serão avaliadas pelas bases dos sindicatos que compõem a Fetquim até o dia 4 de março.

• Reajuste Salarial em 7% (considerando a estimativa atual do Banco Central de 3,47%, haveria 3,30% ganho real)

• Reajuste no Salário Normativo em 7%

- R$ 1.665,22 (empresas com até 100 trabalhadores/as)

- R$ 1.870,17 (acima de 100 trabalhadores/as)

• Reajuste na PLR em 10%

- R$ 1.951,87 (empresas com até 100 trabalhadores/as)

- R$ 2.708,02 (acima de 100 trabalhadores/as)

• Reajuste na Cesta Básica ou Vale-Alimentação em 10% = R$ 385,00

O acumulado do INPC para a data-base 1º de abril será divulgado em 09 de abril de 2020.

A entrega da pauta aos representantes do Sindusfarma (patronato) foi definida para o dia 6/03 e será feita mais uma vez em conjunto com a Fequimfar (Força Sindical).

Fotos: Com informações e fotos de Imprensa/Fetquim

Compartilhar com:

Enviar:

Imprimir: