Notícias

Sergio Nobre no 13º Congresso dos Químicos do ABC

Mesmo com uma agenda apertada, o recém eleito presidente nacional da CUT veio até Atibaia saudar os delegados e delegadas do 13º Congresso dos Químicos do ABC

Na tarde deste sábado, 23/11, o presidente nacional da CUT Sergio Nobre veio saudar os delegados e delegadas do 13º Congresso. Nobre fez uma breve fala política, destacando a necessidade da defesa intransigente da democracia, dos direitos dos trabalhadores e da soberania do Brasil diante do que representa o governo Bolsonaro.

Remetendo ao slogan do 13º Congresso, Nobre ressaltou: “Se a gente quer ter vida, trabalho e democracia a gente precisa derrotar o governo Bolsonaro”.

Na avaliação do presidente da CUT, Bolsonaro é fascista, faz um governo fascista e quer destruir a democracia. “Em todas as ditaduras do mundo eles, os ditadores, são metódicos e a primeira organização que eles destroem é o movimento sindical, depois os partidos, o judiciário, o legislativo e a imprensa”.

Ele ressalta que a perversidade do governo Bolsonaro não tem limite: ‘taxaram o seguro desemprego, imagina, na situação de flagelo que é o desemprego, eles vem e taxam o trabalhador”, afirma indignado. “É um absurdo o que está acontecendo. Dizem que o que gera emprego é a retirada de direitos, mas o que gera emprego é o crescimento da economia”, completou.

Compartilhar com:

Enviar:

Imprimir: